A casa de Babylônia: estudo da habitação rural no interior de São Paulo

Front Cover
Annablume, 1996 - Architecture, Domestic - 165 pages
1 Review
O morar, o ato de morar numa casa é, sobretudo, o ato que atende à necessidade de se ter um abrigo protetor, visto, antes de mais nada, como um invólucro condicionador das relações entre a vida privada e o meio ambiente. Porém, para a autora, o que mais interessa é saber como pulsa a vida, como são satisfeitas as expectativas familiares naquele espaço resguardado, destinado a bastar às conveniências e ordenações de ordem cultural. Mas nas sociedades em permanente processo de miscigenação, onde também as riquezas não são uniformemente distribuídas, a grande maioria não mora segundo uma adequação cultural - simplesmente habita o refúgio que lhe coube pelo destino. No entanto, algumas camadas da sociedade, ao longo de três ou quatro gerações, conseguiram urbanizar suas residências de acordo com um programa próprio, naturalmente definido através das experimentações na verdade não previamente delineadas. Nesse grupo se enquadram os descendentes dos colonos italianos sediados nos arredores de São Carlos, na antiga Sesmaria de Babylônia, cujas casas rurais são estudadas nesse livro de Andrea Piccini.
 

What people are saying - Write a review

We haven't found any reviews in the usual places.

Contents

ADVERTÊNCIA AO LEITOR
9
SER OU NÃO SER BAUDELAIRIANO
29
PARISINA E SEU AUTOR
69
SOBRE A OTOMANA AZUL
82
FANFARRONADAS E FANFARRAS
101
NOVOS VÔOS DO ALBATROZ
116
DE REPENTE UM GATO
133
A MATILHA
144
BAUDEIAIRIANO POR UM LAPSO
177
O BAUDELAIRE PAULISTANO
199
LIMON LODO LIA
206
SATANICES
214
O EMPAREDADO
233
SERPENTEANDO ENTRE POÉTICAS
242
DE DESTERRO AO RIO DE JANEIRO
258
ESTESIAS DO ASSINALADO
272

DE POETA SALTIMBANCO A DÂNDI
151
HISTRIONICES BAUDELAIRIANAS
158

Other editions - View all

Common terms and phrases

Bibliographic information