Figurativização e metamorfose: o mito de Narciso

Front Cover
UNESP, 1995 - Literary Criticism - 276 pages
Tendo como ponto de partida a constatação de Greimas a respeito da importância dos modelos figurativos na inventividade científica, o autor, na linha da semiótica narratológica, estuda a significação da metamorfose no pensamento mítico, tomando como núcleo de reflexão o mito de Narciso. A escolha da metamorfose, como modelo figurativo de importância fundamental, permite uma reflexão e uma compreensão do lugar e da função da racionalidade mítica não apenas na linguagem verbal, mas em qualquer tipo de linguagem.
 

Contents

NOTA INTRODUTÓRIA
23
A CONSTRUÇÃO DO ATOR
69
A CONSTRUÇÃO DO OBJETOVALOR
77
FIGURATIVIZAÇÃO E METAMORFOSE
89
A METAMORFOSE DE NARCISO OVÍDIO
113
A METAMORFOSE DE NARCISO OVÍDIO
137
O MITO DE NARCISO E A CONSTRUÇÃO
163
BRANCUSI MICHAUX
199
A METAMORFOSE DE NARCISO DALI
223
UM GALO SOZINHO NÃO TECE UM AMANHÃ
265
Copyright

Bibliographic information