Filho de Ninguem

Front Cover
Clube de Autores, Oct 4, 2011 - Fiction - 127 pages
0 Reviews
"Passamos peguei a droga e rumei para o morro chegando vi tudo silencioso tava tudo dando certo subimos o morro e paramos em frente a casa, peguei a bolsa para sair quando três ex parceiros chegaram gritando: - Toma o que te mandaram seu filho da puta, que fica grandão, vai faze sociedade com o capeta. - Tu não era metido, reage agora com dois tiros no peito. E quando cai ainda vi o sangue nos olhos de tanta raiva quem tinha por mim. E descobri no meio da confusão que tinha esquecido da armar e que por esse simples erro eu estava MORTO." Atraves desse pequeno problema, a morte, o nosso heroi tenta descobrir como sua vida caiu num desfiladeiro sem fim.
 

What people are saying - Write a review

We haven't found any reviews in the usual places.

Common terms and phrases

Bibliographic information