A INVENCAO DO CORPO NAS PSICOSES

Front Cover
biblioteca24horas - 266 pages
0 Reviews
A clínica das psicoses é a questão de trabalho desta obra, sendo que elege-se como tema de pesquisa o lugar que o corpo pode ocupar na direção do tratamento. Por exemplo, na prática clínica, muitos pacientes psicóticos revelam que um corpo que se apresenta biologicamente viável e saudável, ainda assim pode ser relacionado a vivências de desintegração, morte e deformação. Estas vivências são explicadas a partir da psicanálise pela ausência da regulação do gozo e pela emergência da dimensão do corpo despedaçado, presentes, sobretudo, nos quadros de esquizofrenia, hipocondria, síndrome de Cotard e de anorexia e bulimia psicótica. Isto ocorreria devido a não operatividade de uma consistência narcísica, cuja presença é responsável por perceber o corpo como dotado de valor de vida e relativamente habitável, íntegro, estável. O campo da arte também dá acesso a esta dimensão demasiadamente humana do corpo que se torna explícita nas psicoses, como demonstram diversos trabalhos e entrevistas do pintor irlandês, Francis Bacon. Entretanto, a clínica das psicoses não se resume à dimensão do corpo despedaçado, mas também inclui o que cada sujeito inventa e apresenta como uma solução, na tentativa de dar um melhor encaminhamento aos impasses gerados na sua relação com seu corpo. E diversas situações clínicas nos mostram como muitos psicóticos inventam recursos e estratégias para ter acesso a uma imagem corporal positiva, dentre os quais destaca-se nesta obra os testemunhos de Schreber, Joey e Wolfson.
 

What people are saying - Write a review

We haven't found any reviews in the usual places.

Contents

Introdução
13
do gozo desencadeado às tentativas para
21
O problema do corpo para a psicanálise
51
O problema do corpo nas psicoses
95
diferentes dimensões da invenção
127

Common terms and phrases

Bibliographic information