Paradoxo da primeira república no Brasil: entre a ordem jurídica e a identidade nacional

Front Cover
Jurua Editora, 2008 - Constitutional history - 213 pages
0 Reviews
A pesquisa enfoca uma corrente do pensamento constitucional brasileiro entre o declínio do Império e a Primeira República. Destaca as questões em torno da instituição do formato republicano num Estado com formação periférica. Disso implicou a propagação do argumento conservador de que o Brasil não tem povo - como pensar uma República sem povo? A análise das fontes primárias possibilitou a constatação da importância dada pelos autores às condições periféricas, como também a elaboração de um discurso antiliberal e aproximação do autoritarismo como proposta de modernização do país. A pesquisa foi desenvolvida com o objetivo de analisar argumentos de influência no pensamento constitucional pátrio, como estratégia para a reflexão sobre a democracia no Brasil.
 

What people are saying - Write a review

We haven't found any reviews in the usual places.

Contents

INTRODUÇÃO
17
A ordem jurídica e a identidade nacional no Estado contemporâneo
25
A redefinição da ordem jurídica e da identidade nacional na crise
81
Considerações finais
195
REFERÊNCIAS
203
ÍNDICE ALFABÉTICO
211
Copyright

Common terms and phrases

Bibliographic information