Romântico, sedutor e anarquista: como e por que ler Jorge Amado hoje

Front Cover
Objetiva, Jan 1, 2006 - Brazilian literature - 150 pages
Neste 'Romântico, sedutor e anarquista - Como e por que ler Jorge Amado hoje', Ana Maria Machado provoca uma reflexão mais aprofundada sobre o romancista e defende como incontestável a qualidade de clássicos da literatura brasileira, como 'Tenda dos milagres', 'Capitães de areia', 'Gabriela - Cravo e canela' e 'Mar Morto'. Um escritor 'quase único', que fez a fusão amorosa entre o erudito e o popular; que erotizou a narrativa; que trouxe à tona questões sobre o não-sectarismo, a miscigenação, a luta contra o preconceito e contra a pseudo-erudição européia.

From inside the book

What people are saying - Write a review

We haven't found any reviews in the usual places.

Contents

O Desejo de Seduzir 59
42
Risco de Milagres
121
Notas
147
Copyright

Other editions - View all

Common terms and phrases

Bibliographic information