Urbanismo em fim de linha: e outros estudos sobre o colapso da modernização arquitetônica

Front Cover
EdUSP, Jan 1, 1998 - Architecture - 220 pages
0 Reviews
Balanço crítico da evolução da arquitetura contemporânea internacional - da modernidade ao pós-modernismo, dos historicismos ao desconstrucionismo e ao regionalismo - em ensaios que combinam análise estética e crítica da cultura. A Bienal de Veneza de 1980 é o ponto de partida para a investigação de temas como o formalismo alcançado pela produção moderna que trabalha com simulacros, a atuação de Peter Eisenman, Aldo Rossi e outras estrelas do meio arquitetônico, ou o contexto das grandes iniciativas governamentais na França, que representam o discurso sobre a arquitetura como lugar público, empenhado em encontrar um antídoto para a situação doentia das metrópoles. A autora discute ainda a concepção dos "Novos Museus", que apontam para o atual processo de estetização da memória social numa civilização dominada pela mídia.
 

What people are saying - Write a review

We haven't found any reviews in the usual places.

Contents

Nota Introdutória à 2 Edição
11
PARTE II
115
Nem Arquitetura nem Cidades Luiz Recamán
213
Copyright

Common terms and phrases

References to this book

Bibliographic information