Da Asia de Joćo de Barros e de Diogo de Couto, Volume 18

Front Cover
Na Regia officina typografica, 1786 - Discoveries in geography
0 Reviews
 

What people are saying - Write a review

We haven't found any reviews in the usual places.

Selected pages

Other editions - View all

Common terms and phrases

Popular passages

Page 233 - muita erudiēćo, doutrina, e philosophia, o qual lhe furtarao, « e nunca pude saber no Reino delle por muito que o inquiri , e « foi furto notavel , e em Portugal morreo este excellente poeta
Page 143 - ... vestido; eo Patriarcha, e Bispo em cadeiras de veludo pera maior apparato, e os casados todos muito louēćos» (Ibidem). «Os clerigos pediram huma estancia qo Capitćo lhes deo sobre o muro da banda do mar ; eo proprio dia q entraram nella, foi a tempo que os inimigos combatiam o baluarte Santiago ; e vindo-lhes os pelouros assobiando pelas orelhas, se tornaram a acolher ą Igreja; oqo Capitćo dissimulou porq mais haviam de estorvar q aproveitar...
Page 269 - ... e chegou huma cofta de fagś bifcoutado , que parecia hum ladrilho de tijolo , a valer huma caixa de ouro , que era mais de meio cruzado; porque o Babś Rey de Ternate tratou de fazer guerra...
Page 136 - Note-se que D. Melchior partiu para Malaca em 1565 e nćo em 1567. «Se recolheo o capitćo pera a fortaleza, e na porta della passou o resto da noite, sentado em huma cadeira ordenando hum lugar da banda de fora pera ouvir os Embaixadores, porque a fortaleza estava tćo desbaratada q nćo era bem qa vissem. Ao outro dia pela manhć mandou vir os Embaixadores diante de si, e os recebeo sentado em huma cadeira de veludo com o lugar todo alcatifado, elle louēamente...
Page 155 - ... lhe poder dar remedio. Com estas razões, e outras os quietou, e fez recolher, pedindo-lhes fossem pelejar com as armas espirituaes, o com oraēões, q com as temporaes elle corria de feiēćo, q nćo houvesse falta... «Ao outro dia q foram 15 de Fevereiro, mćdou ElRey sahir toda a gente de suas trincheiras, e mandou bater a Fortaleza em roda com a maior furia q nunca fez, a qual bateria durou todo aqlle dia, e noite seguinte, com...
Page 160 - ... homens por todas as estancias, e baluartes, q por momentos o avisavam de tudo oq succedia; e sendo necessario mandar prover em alguma cousa, o fazia com muita presteza. «O rei de Achem, desanimado mandou levantar o cerco. Elle aos 25 de Fevereiro se embarcou sua pessoa, ficando mortos de redor daqlles muros em todos os combates mais de tres mil Mouros; e levou na Armada tantos feridos, q de Malaca até Rua, q he caminho de sinco dias, botaram ao mar mais de quinhentos homens ; e porq lhe ficou...
Page 151 - O Capitćo q era prudente, e entendia os ardis dos inimigos, quietou a todos com muita brandura, affirmando-lhes com razões muito claras q os quelis se nćo haviam de fiar do Achem ; eq por sima de entender, e saber isto, elle tinha tanta vigilancia em tudo, q entre os mesmos Quelis trazia outros fidelķssimos por espias, eq nenhum movimento tinha achado; eq antes elle Capitćo pelos haver por homens de primor...

Bibliographic information